12 de julho de 2008

Um poema leve..........................

Suspiro

O ar entra por minhas narinas
E inunda
Todo o meu corpo
Toda a minha mente
Todo o meu ser

O ar preenche
Os espaços vazios
Os espaços aflitos
E os apaixonados também

O ar, enfim,
Sai devagar
Relaxando
E nos fazendo novamente
Voltar à razão

O ar se vai
Mas a paz
Essa permanece.

6 comentários:

Menina do Rio disse...

Vital...
que todos os teus suspiros sejam assim, prazeirosos

Beijinhos

Rosi Araújo disse...

Carooool... obrigada
é, acho que eu tava configurando errado, mas agora tá direitinho... que texto lindo!
beijosss e bom fim de semana!

T A L I T A disse...

Respirei junto!
bjos!

Gu Japinha - Guarulhos SP disse...

Muito legal esse poema heim sumida!!! rs rs rs...

Qto tempo msm...
Pode ver que eu até estava sumidão... Hehehe... Mas estou voltando, devagar e sempre, mas voltando... Hehehe

Super bjo e respire bem para ter mta paz na semana...
Bjokas

Nathália disse...

"O ar preenche
Os espaços vazios
Os espaços aflitos
E os apaixonados também"

Me perco nessa sensibilidade em escrever...
Beijo!

D y a n e P r i s c i l a disse...

Um relaxamento vital. Fatal.
Lindo Cacá, adorei mesmo. Você têm muito talento!
Beijos Gigantes!