27 de agosto de 2008

Perdida dentro de mim

Poema de um autor fantasma

Não quero falar
Não quero saber
Não quero esquecer
Não quero sentir
Não quero pedir
Não quero achar
Não quero pensar

E não quero ler esse poema
Não quero olhar no espelho
E nada enxergar
Afinal, o vazio que tomou conta de mim
Fez com que eu
Não mais existisse.

8 comentários:

Mary West disse...

Ninguem gosta de deixar cair a mascara, são resultados dos tempos em que o que está por fora é melhor julgado.

Gu Japinha - Guarulhos SP disse...

O melhor jeito de se achar dentro de si mesma é olhar em volta. Afinal a resposta está ai, dentro de ti.

Mustafa Şenalp disse...

çok güzel site. :)

Menina do Rio disse...

Já tinha saudade de te ler.
tantas vezes não queremos nada, nem mesmo sentir, mas qualquer coisa ainda é melhor que a sensação de vazio...

Um beijinho

Bella disse...

não quero ler esse poema
não quero me sentir tão melancólica
mas quero dizer que adorei o que li!
seu poema parece muito com o que sinto atualmente...
beijo!

Rogério Felício disse...

Forte....me vejo nas entre linhas.

Nathália disse...

Ai... Eu também tô cheia de "não-querer"... =T

Tatah Marley's Confissões disse...

gostei da filosifia.. ou proibe tudo, ou legaliza tudo!
boto fé..
boa visão!
e escreva mais flor!
tu sumiu!
o.O